Pesquise no blog

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Glee Flash Mob Video - Seattle, Westlake

Sound of Music | Central Station Antwerp (Belgium)

Britney Spears - Circus (Blare LeVoir COVER)

Rihanna - Russian Roulette (Blare LeVoir COVER)

Miley Cyrus - The Climb (Blare LeVoir COVER)

Christina Aguilera - Hurt (Blare LeVoir COVER)

Nicole Scherzinger - Baby Love (Kasia Popowska COVER)

Evanescence - My Immortal (Kasia Popowska COVER)

Christina Aguilera - You Lost Me (Kasia Popowska COVER)

Piratas do Caribe 4 (Trailer Oficial)

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Mudar?

Mudanças são mesmo necessárias? Depende. Você deve saber quando mudar, e também se perguntar o por que de mudar.
Eu quero mudar, porém, não sei em quê.
Sei lá... Quero conhecer pessoas legais. Mais ou menos uns 80% dos caras que eu conheço são idiotas.
Os 20% que sobram são pessoas legais, Mas moram longe, já namoram, estão conhecendo outra pessoa, ou o pior, conhecem uma outra pessoa me conhecendo. rs
Isso as vezes me faz pensar MUDA ALISSON. Mais a pergunta é: mudar o que?
Mudar meu jeito, minhas atitudes, meus gestos. Sinceramente não sei.
Se isso fosse me ajudar a encontrar alguém, eu gostaria de saber o que mudar.
Deixar de ser atencioso demais, dar muita atenção pra quem não merece, demonstrar meu total interesse quando gosto de alguém.
Tento ser uma pessoa bacana... legal... dou atenção... falo coisas bonitas (e não é pra agradar ninguém, se falo é por que realmente sinto).
As pessoas que gostei talvez não gostassem de carinho... ou de tanta atenção, hehehe

Não sei se é a coisa certa a se fazer...
mais vou começar a me importar menos com as pessoas.
No final das contas, quem sempre sai machucado sou eu.

"Por mais que eu sofra, por mais que eu chore.
Ainda tenho um coração que quer amar.
E nele sempre terá a esperança de ser feliz"

{ aL!

Jogo do Silvio Saw

sábado, 27 de novembro de 2010

Mandamentos do Amor

01. Retribuir meu amor com a mesma intensidade;
02. Não desconfiar de mim;
03. Não me provocar;
04. Trancar-me em seu coração para sempre;
05. Ser sempre sincero (a) comigo;
06. Dar-me todo carinho possível;
07. Nunca me castigar com sua ausência;
08. Passar a maior parte do dia pensando em mim;
09. Saber perdoar e me ouvir sempre;
10. Dar um beijo provando sua sinceridade.

sábado, 20 de novembro de 2010

10 fases da bebida.

01ª fase ALEGRIA:
Você começa a rir de coisas bobas.


02ª fase NEGAÇÃO:
Apesar de você estar pra lá de Bagdá, você continua falando que está sóbrio.


03ª fase AMIZADE:
Você começa a ficar amigo de todo mundo: do barman, do tio mendigo, dos inimigos.


04ª fase CEGUEIRA:
Você já começa a achar todo mundo bonito.


05ª fase INVISÍVEL:
Nesse momento, vc acha que está invisível e que ninguém está te vendo, portanto, faz cagadas achando que ninguém nem viu.


06ª fase VERDADE:
Perigoso, pois você começa a dizer as verdades pra todo mundo.


07ª fase NOSTALGIA:
Nesse momento você chora dizendo que todo mundo ali é seu amigo do peito e não sabe o que faria sem eles.


08ª fase LÍNGUAS:
É a hora de falar inglês, espanhol, aramaico, grego.


09ª fase DEPRESSÃO:
Alguns até choram e lamentam a vida.


10 ª fase AMNÉSIA:
Depois de tudo, você não se lembra de mais nada.

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Diário do aL

São 2h30 da manhã e eu resolvi começar a escrever para expor um pouco meus sentimentos.
AMOR. Queria saber como uma palavra tão pequena pode dar um trabalho tão grande.
Um sentimento tão difícil de controlar, quer dizer, acho que não temos nenhum controle quando o assunto é sentimento. Ele simplesmente existe, ou não. As vezes o cérebro quer uma coisa, e o sentimento outra.
Não me acho a pessoa mais qualificada para falar sobre o assunto. Tive apenas dois relacionamentos, e o ultimo foi a dois anos atrás.
Será que eu só encontro pessoas erradas, ou o errado na verdade sou eu? Confesso que esse pensamento não sai da minha cabeça.
Me dizem que sou bonito (apesar de não me achar), legal, engraçado, inteligente, blá blá blá... O que será que falta pra que alguém se interesse por mim?
Encontrar o príncipe encantado eu não vou, eles só existem em contos de fadas e olhe lá.. Quero alguém de verdade, que goste dos meus carinhos e que os retribua também. Alguém pra ligar no fim do dia, ouvir a voz, saber como foi o dia, ou apenas dizer que estou com saudade.
Até mesmo aquelas briguinhas bobas sabe, não que brigar seja bom, mais fazer as pazes depois é ótimo.

Não demonstre seus sentimentos a uma pessoa
que não seja capaz de compreendê-los”
(Autor desconhecido)

E se você descobrir isso tarde de mais? Aquela pessoa que você aprendeu a gostar, deixou entrar e ocupar parte do seu coração, adivinha, não sente o mesmo por você.
Isso tem acontecido muito comigo nesses dois anos que estou solteiro. Sei que todo mundo se decepciona com o amor um dia, ninguém está imune a isso. Mais em dois anos, todos que conheci não quiseram ficar comigo.

Quero descobrir o amor de novo.
Encontrar em alguém o que eu procuro.
Livrar o amor do escuro, e destruir
o muro que cerca meu coração”
(Trecho da música: Quando você
não está por perto – Barão Vermelho)

Bom, por hoje é só.
Estou com sono e preciso dormir.
BOA NOITE! :)


{aL!

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

CASA DOS TWITTEIROS 2.0 - 3° episódio



Vote em quem você quer que saia da
CASA DOS TWITTEIROS 2.0
CLIQUE AQUI!

PRÓXIMO EPISÓDIO: 04/11

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Aprenda INGLÊS de Maneira Bem Fácil

Imagens Engraçadas

EU VOMITO TUDO ISSO!

Mão Boba.

Desenho Em 3D

Você acha o colorido difícil, tenta esse.

Troca De Família

Até eu chegar na lá já fiz nas calças.

POR UM MCDONALDS SEM PRECONCEITO

Farol BAIXO e Farol ALTO

Fisiculturismo Animal

Enquanto Isso Nos E.U.A.

Mais Uma Obra MALUF

Ele Está Num MAR DE BALAS, rs

Resgate #FAIL

Já Experimentou MANTEIGA BASTÃO

Antes E Depois Dos Herois

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Drag Dragons


O elenco de drags da Blue Space de São Paulo acaba de revelar sua real identidade. Não, não é o nome de nascimento de cada uma das montadas, é a faceta de heroína delas. Com desenho e animação de Wil Vasque, Thalia Bombinha é Hydra (Água), Silvetty Montilla é Gaya (Terra), Stephany di Bourbon é Zefira (Ar) e Michelly Summer é Pyra (Fogo).


Elas são as mais novas heroínas do mundo dos desenhos animados e têm como missão principal lutar contra as maldades da vilã Nata$ha Ra$ha. A primeira missão é salvar os filhotes de uma pata nada convencional. Tem ainda uma batalha de vídeo-game hilária entre Silvetty e Nata$ha onde ganha quem bate mais o cabelo. 

A produção é da Blue Space Animation. Confira o teaser:

DoubleClip // Kesha - Take It Off

(Official Video)


(K$ 'n Frinds Version) "Jeffree Star"

LULA ANTES E DEPOIS DA POSSE

1. LULA ANTES DA POSSE

Nosso partido cumpre o que promete
Só os tolos podem crer que
não lutaremos contra a corrupção
Porque, se há algo certo para nós, é que
a honestidade e a transparência são fundamentais
para alcançar nossos ideais
Mostraremos que é grande estupidez crer que
as máfias continuarão no governo, como sempre
Asseguramos sem dúvida que
a justiça social será o alvo de nossa ação
Apesar disso, há idiotas que imaginam que
se possa governar com as manchas da velha política
Quando assumirmos o poder, faremos tudo para que
se termine com os marajás e as negociatas
Não permitiremos de nenhum modo que
nossas crianças morram de fome
Cumpriremos nossos propósitos mesmo que
os recursos econômicos do país se esgotem
Exerceremos o poder até que
Compreendam que
Somos a nova política

2. DEPOIS DA POSSE   
Basta ler o mesmo texto só que dessa vez, "de baixo pra cima". (FRASE A FRASE)

Kazaky - In The Middle (Official Video)

Flash Mob - Glee "Safety Dance" - Brasil (Video Oficial)

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Emoticons =)


(devem ser usados juntos,
sugiro colocar o mesmo nome
em ambos e diferenciar por 1e2)




  

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Sound Effect

Para ouvir use os dois lados de um FONE DE OUVIDO
Ouça em volume alto, isso dará mais realidade.
Comente depois de ouvir.

IMPORTANTE:
O efeito só funciona se ouvir com fone de ouvido



Se quiser fazer o download do áudio clique aqui.

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

É possível notar a homossexualidade na criança a partir dos 5 anos

O psicólogo e colunista do site A Capa, João Batista Pedrosa, lança no próximo sábado, dia 11, o seu segundo livro, "Garoto Rebelde - Surgimento da Homossexualidade na Criança", no shopping Frei Caneca, em São Paulo.

Em entrevista ao site A Capa, Pedrosa contou um pouco mais sobre este novo trabalho, que faz uma pesquisa sobre o comportamento sexual de homens gays de zero aos 18 anos de idade. De acordo com o psicólogo, os primeiros indícios de homossexualidade na infância surgem a partir dos 5 anos de idade.

Além destes relatos, Pedrosa faz uma revisão sobre a bissexualidade, a qual afirma ser "uma forma de expressão da sexualidade", e não "um tipo de orientação sexual". Confira abaixo a entrevista:

Primeiro, por curiosidade, por que o título “Garoto Rebelde”?
O nome do livro Garoto Rebelde é uma alusão aos meninos, hoje homens gays pesquisados neste livro, que já foram crianças. Eles não tinham domínio algum sobre o seu desejo e a sua orientação sexual. “Rebelaram-se” contra a orientação sexual majoritária - a heterossexual - e seguiram o caminho da homossexualidade.

Como surgiu a ideia de escrever o livro e quanto tempo demorou para finalizá-lo?
Na minha experiência de psicólogo clínico já atendi dezenas de gays e nos seus relatos ficava evidente que, desde a mais tenra infância, o desejo homossexual era despertado. Tive a curiosidade de pesquisar em que período de vida a orientação sexual homossexual é disparada. Na minha pesquisa, ela aparece em torno de cinco anos de idade. Já nesta idade aparecem os primeiros sinais. Demorei para finalizar o livro, entre a pesquisa e conclusão, dois anos.

Como se deu a pesquisa?
Foi levantado o repertório comportamental sexual de homens homossexuais de zero aos 18 anos de idade. Além de conter estes relatos, o livro possui também uma tabela dos dados coletados, bem como vários capítulos sobre a origem da homossexualidade, bissexualidade, entre outros.

O livro tem depoimentos de homossexuais na faixa de que idade? Eram seus pacientes?
Foram pesquisados 10 sujeitos com as seguintes idades: 29, 30, 32, 33, 34, 36, 40, 42, 44 e 65 anos. Só dois dos entrevistas eram clientes. O projeto de pesquisa foi submetido à consultoria do Centro de Estatística Aplicada (CEA) da Universidade de São Paulo (USP), no ano de 2008.

Para você, como psicólogo, é possível notar a sexualidade na criança a partir de que idade?
Existem relatos que a partir de dois anos de idade. O psicólogo John Money (EUA) defendeu esta hipótese. No meu consultório, encontrei relato de cliente que a partir dos três anos de idade já sentia atração por homem. Minha pesquisa apontou a média de cinco anos de idade.

É comum crianças que já sofrem desde cedo preconceito por seu modo de se comportar demorarem, quando adultos, mais tempo para sair do armário?
Os meninos gays com trejeitos femininos são uma minoria. Eles sofrem mais assédio moral por serem efeminados. Na minha pesquisa e experiência clínica, concluí que crianças que foram criadas num ambiente homofóbico, controlado por contingências negativas punitivas, terão mais dificuldade em saírem do armário quando adultas. Então, sair do armário não está ligado a ser másculo ou efeminado, mas a um complexo contexto familiar e cultural homofóbico. Por exemplo, a criança que foi criada num ambiente onde se punia muito a homossexualidade – ambiente religioso - provavelmente terá dificuldade em se assumir quando crescer.

No seu livro, tem um capítulo que fala sobre a bissexualidade. Muitos entrevistados se consideram bissexuais? Como você analisa esse comportamento?
Todos os entrevistados eram homossexuais. Aliás, essa era uma condição para participar da pesquisa. Mas, neste livro, faço uma revisão sobre a bissexualidade, que não é um tipo de orientação sexual. A bissexualidade é um tipo de comportamento sexual atípico na medida em que não é comum entre as pessoas. Poucas pessoas se declaram bissexuais. Na literatura sempre encontramos dados sinalizando que menos de 2% da população apresentam de fato comportamentos bissexuais. Esse comportamento é mais comum em mulheres do que em homens. A bissexualidade é uma forma de expressão da sexualidade. É um tipo de comportamento sexual e não orientação sexual. Nos relatos dos homens bissexuais fica sempre evidente a sua inclinação para uma das duas orientações sexuais básicas: ou a homossexualidade ou a heterossexualidade. Só existem dois tipos de orientações sexuais, a majoritária reprodutiva - a heterossexualidade - e a minoritária não reprodutiva - a homossexualidade.

Um caso bastante curioso que ganhou espaço na mídia é o da filha da atriz Angelina Jolie, Shiloh, de 3 anos, que usa roupas de menino. Em entrevista, Jolie disse que a própria filha pede para que a vista assim. Pode ser um caso de homossexualidade já declarada na infância ou apenas uma fase?
Difícil tecer comentários sobre este caso sem ter mais dados sobre a criança. Por este pequeno relato, me parece mais um caso de Transtorno de Identidade de Gênero (transexualidade) do que homossexualidade.


Fonte: A CAPA
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...